POESÍA a rodos Textos em prosa em português (literários e não literarios) Vídeos com histórias

segunda-feira, 23 de setembro de 2013

Uns versos de António Ramos Rosa



Vivi tanto
que já não tenho outra noção
de eternidade
que não seja a duração da minha vida.

António Ramos Rosa


Este e mais dois poemas em Hospedaria Camões.


Autor de uma das obras poéticas mais extensas e marcantes da poesia portuguesa contemporânea, António Ramos Rosa morreu esta segunda-feira aos 88 anos. (Público)


Mais versos deste autor.