POESÍA a rodos Textos em prosa em português (literários e não literarios) Vídeos com histórias

sexta-feira, 25 de outubro de 2013

Meu coração vagabundo (Marta Lança)

Dibujo retardado como la despedida que tengo pendiente - Erika Kuhn


MEU CORAÇÃO VAGABUNDO

Contrai-se ritmicamente para obrigar o sangue a percorrer o corpo. Lá está ele em forma de cone, com a sua dimensão de um punho cerrado, escondido no tórax, por trás do esterno, acima do diafragma e entre os dois pulmões, a garantir-me que a vida aconteça. 

Marta Lança

Do seu blogue A vida escrita